Jonas Vingegaard responde aos críticos e a Tadej Pogacar na Volta a França: "Não quero saber"

A 11ª etapa da Volta a França começou a toda a velocidade e não são apenas os caça-etapas que estão a tentar todos os ataques, mas também os ciclistas da geral. Jonas Vingegaard não teve oportunidade de explorar as estradas do Maciço Central antes da corrida, mas sabe certamente que tem de estar preparado para tudo.

"Não, não tive tempo de o reconhecer. Estava nos meus planos mas, claro, devido à queda, não consegui", disse Jonas Vingegaard em declarações à ITV Cycling esta manhã. O dia tem um início bastante plano, mas o final tem quatro subidas categorizadas consecutivas. Algumas delas com inclinações muito elevadas, enquanto as descidas também podem ser muito técnicas e complicadas nesta parte de França. Nas altas montanhas, Vingegaard e Visma têm a experiência e a qualidade, mas neste terreno a explosividade de Tadej Pogacar e Remco Evenepoel podem dificultar-lhes a vida nesta etapa.

O trepador dinamarquês começa o dia em terceiro lugar e certamente, apesar de estar atrás dos seus rivais, a sua tática será mais uma vez conservadora hoje, uma vez que está longe do terreno onde normalmente faz a diferença. "Dizem que as subidas são muito duras, por isso temos de estar preparados para os ataques e dar o nosso melhor", avisa.

Jonas Vingegaard responde aos críticos e a Tadej Pogacar na Volta a França: "Não quero saber"
Tadej Pogacar atacou na etapa 9 do Tour e não gostou da falta de colaboração de Jonas Vingegaard

Foi questionado sobre as palavras de Evenepoel e Pogacar nos últimos dias, que se mostraram descontentes com as táticas demasiado defensivas de Vingegaard. Ontem, Pogacar pôs de lado a ideia de que Vingegaard está a correr de forma mais inteligente do que os seus rivais. "Na Volta a França, a inteligência de corrida é importante, mas acima de tudo é preciso ter boas pernas para ganhar o Tour".

Mas o campeão em título mantém-se sólido como aço na sua posição nesta corrida, quando lhe perguntaram se é verdade que está assustado ou apenas concentrado no esloveno. "Não quero saber, de todo", foi a sua resposta.

Place comments

666

0 Comments

More comments

You are currently seeing only the comments you are notified about, if you want to see all comments from this post, click the button below.

Show all comments

Most read