Wout van Aert entusiasmado com a Clássica Jaén Paraiso Interior e com as mudanças de percurso devido à lama: "Adoro correr em gravilha"

Wout van Aert é a estrela da Clássica Jaén Paraiso Interior desta segunda-feira. O ciclista da Team Visma | Lease a Bike iniciou a sua época de estrada este fim de semana e vai avaliar a sua forma nos setores de gravilha (ou lama) da corrida espanhola, num dia em que estará, sem dúvida, entre os favoritos.

"Acho que é uma pena, mas presumo que haja boas razões para a mudança de percurso", disse van Aert ao Het Laatste Nieuws antes da corrida que Tadej Pogacar venceu no ano passado. "Maarten (Wynants, DD da equipa, ed.) já tinha falado das más condições das pistas de gravilha na sexta-feira e choveu muito naquela região no fim de semana passado. A segurança está em primeiro lugar. As poucas pistas de gravilha que restam serão bastante desafiantes devido às condições de tempo húmido."

As chuvas invulgarmente fortes que se fizeram sentir na região obrigaram os organizadores a cortar a grande maioria dos percursos todo-o-terreno que estavam previstos no evento. Isto não significa um dia menos exigente ou que será decidido noutro local, mas garantirá mais segurança aos pilotos. No entanto, muitos vão precisar de muita cautela para não pôr em risco a sua primavera. Para van Aert, é também um dia para testar a forma após um bloco de treino de inverno.

"Treinei bem nas últimas semanas, mas estou atualmente em menos boa forma do que nos últimos anos, quando começo a correr na estrada, porque ainda não completei um campo de treinos em altitude", admite. "Também com base nas minhas sensações em Almeria, não posso dizer se já estou bem. Senti-me bem, mas não foi uma corrida difícil. Em Jaén, vou ficar um pouco mais consciente da minha condição física. Estou ansioso por isso. Adoro correr em gravilha".

No entanto, a corrida espanhola não será apenas uma preparação para a primavera, mas também para o verão. Com a Volta a França a apresentar uma etapa em gravilha, Sepp Kuss está entre os ciclistas presentes, de modo a testar o material da equipa neste tipo de terreno.

"Um teste funcional para a etapa de gravilha do Tour. No que diz respeito ao material, será certamente um bom teste", confirma o diretor-geral da equipa, Marteen Wynants.

Deixe um comentário

666

0 Comentários

Mais comentários

Você está vendo apenas os comentários sobre os quais foi notificado, se quiser ver todos os comentários deste post, clique no botão abaixo.

Mostrar todos os comentários